brizola (ou “brisazinha”)…

atripa

“Hey ho Mauval e Shogun!

Vcs tavam dois velhos ranzinzas no último programa, hein? ( hahaha) Mas eu concordo em gênero, número e grau em tudo! 😛  Seremos todos nós espíritos velhacos? Ou só ouvidos mais criteriosos e experientes?

( ou é só o bolso resmungando de pagar um rock in rio e enfrentar mega muvuca de outros shows pra conseguir ver The Who… ou tudo isso, sei lá )

Mas eu descobri hj essa banda aqui hj via Pitchfork. Não botei fé, cliquei pra ouvir só de curiosidade já que geralmente albuns acima de 8 na nota deles costumam ter alguma coisa que eu gosto,  e ó que me pegou! :)

Pra mim uma brisazinha, me lembra bandas indie que eu ouvia no myspace, quando comecei a descobrir que existia música além do que chegava até mim na tv e no rádio.

Tem mts influências, bem evidentes, e numa primeira ouvida pode parecer  nada demais, mas tem alguma coisa alí que deixa o rockzinho indie pop dela mais interessante, gostosinho de ouvir.

Enfim, fica a dica da Jay Som. Aparentemente ela tocou, gravou, e produziu tudo. Menina boa:

https://jaysom.bandcamp.com/album/everybody-works

Inté!”
GABI