de aço…

Subject: Re: E aí Maurício :)
“Valeu Maurício!

Sensacional esse relançamento em vinil da estréia do Jards
macalé…igualmente clássico é o posterior, “aprender a
nadar”…queria ambos em minha humilde coleção, mas infelizmente, como
disse, so tornaram raridades a muito tempo, só encontro em versões
piratex por aí.Recentemente saíu em cd o segundo e o terceiro discos
do Sergio sampaio, que comprarei em breve, antes que evaporem
também.Enfim, todos discos clássicos na minha opnião, que mereciam ter
entrado nessa listinha da rolling stone (ao menos nessa entrou o
primeiro da Angela ro rô, que nunca é lembrado nessas ocasiões, e que
gosto bastante, rs).Por acaso, arrumando um armário essa semana, achei
uma revista da mtv com uma lista semelhante, com os cem principais
discos da mpb (você inclusive aparece como um dos votantes), e ao
menos nessa lista o album do jards está.Mas sergio sampaio, walter
franco, entre outros, infelizmente são ainda menos conhecidos (ao
menos é a percepção que tenho…).Esse ano vi duas apresentações do
jards no ccbb (um show, e um debate com o capinam, em um ciclo mensal
chamado sarau de idéias, geralmente mediado pelo charles gavin, vale a
pena dar um confere) e foi bem bacana.
Outro dia você falou sobre os discos de 1972…e um desse ano que
merecia estar lá no top five, do lado de ziggy stardust e exile on, é
o “dança da solidão”, do paulinho da viola…fazia tempo que não o
escutava, e to viciado nele (e no posterior, “Nervos de aço”) por
esses dias.
Aguardo por ler seu relato do show do Ron carter…acabei indo pro
festival de jazz que está tendo na praça dos correios, e , meio
cansado, acabei vindo pra casa.Espero que ele volte em breve.

Abraço, até +     :)”

(Maré)