chica bon

chica_chica_bom!

a mesma ladainha mas vale constatar…

o mundo vai girando rápido… e as coisas passam a ter vida curta. nada fica por muito tempo.

tipo, minha xeretinha digital babou, foi-se, acabou.

elazinha começou a dar uma creca na imagem… fui numa loja e o balconista mandou bala:

“ah, canon. se tiver mais de quatro anos de uso, não tem cura. já era”

mas como, QUATRO anos?

caraca, minha pentax tem quase quarenta… e na ativa. basta achar filme!

anyway, 99.9% de nossos periféricos, atualmente, têm validade.

e a maioria, dos que insistem permanecer na pista, vai largando caco pelo caminho.

quantos produtos das antigas não são mais os mesmos, perdendo qualidade a cada segundo?

lembrou de alguns?

e quantos são exatamente os mesmos de décadas passadas?

quer recordar?

ontem, bateu a costumeira vontade de me atracar com um chicabon… sim, o sorvete.

abri a geladeira da padaria e agarrei o que estava pedindo – “me come”! hahaha…

2 reais & vinte centavos, o preço da felicidade máxima!!! UAU!!!

vai ser gostoso assim lá em curitiba… a 8 grauzitos!

o prazer foi tão “carnal” que parti pro segundo… e ao degustá-lo, mais suavemente, lembrei das décadas que mantemos relação… a mesma, igualmente profunda, puro comprometimento, igualmente vital… sem igual!

chica, i love you… tanto que guardei sua roupitcha, de ontem, sorry pela indiscrição…