os paralamas do sucesso

guinness paralâmica…

shogun disse (gentilmente), no #223, que os paralamas e eu deveríamos figurar no guinness por conta de nossa estrogonófica relação de quarenta anos… hahaha, ainda não chegamos a tal marca mas, em breve, teremos quatro dezenas de velinhas em nosso bolo comemorativo… faltam cinco!

como também foi dito no #223 que a banda começou, terça passada, a gravina do novo álbum com mario caldato na produça, bateu uma coceira forte de rever o livro que lançamos, em 2006… e aí, olhando aqueles momentos, cruzei com uma imagem que me deixa todo arrupiado e que está no meu top5 paralâmico…

pds.tico

xerê captou estas silhuetas em avebury (inglaterra), perto do estúdio de peter gabriel onde a banda estava mixando o disco “hey na na”.

JAH que hoje é saint patrick’s day, mais que nunca, estamos na guinness!

cheers

negativos & positivos (431) [os paralamas]…

você pode pensar deste registro…

beat+pds

– “caramba, a xerê captou o ranking roger, do the beat, com o herbert, no início dos 80’s”

lembrando o tal do ranking roger (com strummer)…

strummer+ranking

poderia até ser verdade por conta dos cornos de um e do outro… mas não é bem assim. a dupla lá de cima é um tasco retirado desta foto que foi feita para o álbum “selvagem?”

paralamas.tico

os paralamas do sucesso  /  bar memória (rio)  /  março1986

toinho forévis (2)…

papeando com o gerente dos paralamas, ele lembrou que lááááá pelos idos de junho2008, quando estávamos registrando o disco “brasil afora” (onde dei um pitaco tocando baixo na faixa “mormaço” com zé ramalho no vocal), pintou a idéia de usar uma foto de toinho na capa do referido álbum que seria lançado no ano seguinte.

a proposta de capa não foi adiante… e, ainda agora, dei uma catada nessas imagens realizadas no estúdio de carlinhos brown situado no inoxidável candeal, em salvador.

bateu emoção forte recordando os dias passados por lá. onde tive contato com uma realidade absolutamente inédita e muito bacana de conviver numa comunidade que tem a música como base de tudo… D+!

olha a fotoca que chegou a ser pensada como capa do “brasil afora” e outras imagens captadas pela xeretinha no candeal…

toinho.ticocandeal1candeal8candeal3candeal4candeal9candeal5candeal7

toinho no canto superior direito

candeal6

paralamas+nação+aTRIPA, ontem…

com a lua na platéia apontando para o futuro (museu) e para o passado (14bis)…

lua

os paralamas começaram a estremecer a praça mauá (entupida até o talo), exatamente, às 21h…

pds1pds5pds4

para a situation atingir níveis descontrolados de cabeleira altíssima, a nação zumbi chegou disposta a colocar o edifício da rádio nacional no chão…

pds6pds2pds7

a saideira com “que país é esse?” gerou um tsunami na novíssima (e espetacular) orla carioca… mas, felizmente, joão barone – tal e qual o maestro netuno com as baquetas em punho – regeu as marolas… que, imediatamente, picaram a mula.

foi nesse épico (aí sim, a palavra é necessária) instante que todos perceberam, com detalhes, aTRIPA ser representada com sagacidade-bravura-groove-elegância…

jb1jb2pds3

que momentos!

( :

negativos & positivos (364) [naná+arto+femi+david+os paralamas]…

depois do show de bigorrilho-barone-herbert, enquanto neguinho mostrava as canjicas ou sorria pra xeretinha, naná não perdeu tempo e mandou na lata: “mas, véi… que tal pensar no meu berimbau psicodélico pro próximo disco dos paralamas. hein, véi?”

sob.tico

da esq pra dir, de cima pra baixo: david rudder, femi kuti, naná vasconcelos, arto lindsay & os paralamas  /  camarim SOB’s (NYC)  /  setembro1986