romulo fritscher

rombolinho…

eu estava crente que seria no próximo domingo… mas acabou sendo hoje!

há um tempo que eu vinha correndo atrás para as fotografias do romulo (meu primo, querido/saudoso, que subiu em plena segunda feira de carnaval desse ano) fossem mostradas em algum lugar bacana.

até que luiz fernando vianna, correspondente da folha de são paulo no rio, conseguiu vender a idéia para a revista serafina, publicada todo final de mês pela FSP.

UFA!

ficou muito bacana… e, finalmente, o material fotografado pelo romulo no início dos anos 80 – em plena desorientação do baixo leblon – conseguiu chegar aos olhos dos brasileiros!

as fotografias captadas não são eternas apenas por sua qualidade… mas, sobretudo, por retratarem um pedaço do rio de janeiro (e do brasa!) que se transformou em História… forévis!

romulo percebeu esse momento e desceu fundo… em todos os níveis.

tanto que há dez anos ele era um dos principais agentes do NA.

custou muito caro para ele – e nós – esse mergulho… mas conseguiu sair vivo, como poucos. 

forte, guerreiro, ex-cabeleira altíssima… ele só não se livrou da praga: C _ _ _ _ R!

com certeza absoluta, a essa hora. está olhando por nós… e preocupado com o jogo do vasco, daqui a pouco, em florianópolis!

LOVE!

se você correr à banca, ainda pode achar…