the cure

a cura…

Subject: Dia especial.
“Mauricio,
Somente o Jumboteco (mais uma terça fodástica) e o tico-tico para aliviar a tristeza que nosso Vasco nos traz atualmente. Te escrevo, também, porque hoje após 26 anos, poderei reviver momentos especiais da adolescência com os Cure (1996 para mim não conta). Estou ansioso para mais tarde e vou bem equipado, com um Jameson roubado da coleção da esposa e um fuminho guardado há 26 anos da lata do Solana Star. Fiz um setlist especial, sonhando que eles toquem ao menos um terço do que desejo. Obviamente, e com todo o respeito aos demais admiradores, não estou indo para ver as imposições das gravadoras à época, como Let´s go to bed, Friday i´m in Love, Love cats, Close to me, etc…, vou somente para ouvir Three Imaginary Boys, Seventeen Seconds, Faith, Pornography, Japanese Whispers e The Top. Existencialismo, melancolia, vida e morte. Relembrar os bons tempos do Rock Alive, que me preparava, ansiosamente, com K7 na mão, devidamente ajeitada com lápis na roldana para ficar no início da faixa marrom e não perder um segundo de Cure no Japão, Siouxsie & The Banshees, Echo & The bunnymen, Anne Clark, Bauhaus, Joy Division/New Order, Xmal Deutschland…etc. Pqp, sem vocês (Rock Alive, Maldita) teríamos que esperar meses, anos, para poder ouvir algo no vinil….batendo ponto de manhã cedo na porta da Modern Sound ou Gramophone do Shopping da Gávea…Ah bons tempos!!
Querido Mauricio, te escrevo, por fim, para dizer que hoje, para mim é dia de melancolia, curtir depressão com, muita, muita alegria, e isso tudo, também se deve a você. E amanhã, agradecendo novamente, estarei de volta as variedades sonoras do Jumboteco!
Obrigado,
Braço,”
Vasco.

 

curando…

Robert Smith: The Cure to mount first-ever full South American tour next year

  • July 19, 2012
  • www.slicingupeyeballs.com

Fans of The Cure in South America are among the band’s most patient: Outside of two Brazilian concerts in 1996, Robert Smith and Co. haven’t toured there since the Kiss Me, Kiss Me, Kiss Me trek of 1987, a 11-date tour that only hit Brazil and Argentina. That should change next spring, when Smith says The Cure will return to South America, playing Chile, Uruguay, Peru and Venezuela for the first time ever.

As fansite Chain of Flowers points out, Stage D Magazine interviewed Smith backstage at the Paléo Festival in Switzerland, where the band performed last night, and asked the frontman when The Cure finally will return to South America.

Smith’s response, as you can see in the video posted above, was: “We’re supposed to go there just after Easter next year. We’re going to play in every… not every country in South America. We’re not playing in Ecuador because people don’t play in Ecuador. But we’re playing Brazil, Uruguay, Argentina, Chile, Peru, Venezuela.”

The Cure last ventured to South America in 1996 for two January concerts in Brazil. The band’s only full South American tour came in 1987 in support of Kiss Me, when the group performed 10 concerts — although, even then, The Cure only played in Brazil and Argentina.