Arquivo da categoria: torcida

alessandro, o chefe & o “preto e branco”…

Subject: Fomos surpreendidos novamente! (como diriam os caras do Casseta & Planeta)
“Salve MauVal! Salve Nandão, a lenda!
 
Caramba! Caramba! Caramba!
 
Tive que ir esses dias ao escritório onde eu trabalho para resolver umas pendencias que só conseguiria resolver presencialmente. Estou de quarentena, guardado em casa, desde 16 de março de 2020, aguardando esse mocorongo do corona vírus ir embora.
 
Meu chefe (aquele mesmo que em 2018 começou a me viciar nesse tal de roNca roNca) me avisou que haveria uma “coisa” em cima da minha mesa quando eu chegasse no escritório.
 
Qual não foi a minha surpresa ao chegar no escritório, ver um envelope grosso, lacrado, em cima da minha mesa endereçado a mim.
 
Pensei: que pocilga é essa que o Diogo aprontou desta vez.
 
Rapaz…. ao abrir o envelope não é que dou de cara com a maior coletânea de registros feitos pela Xeretinha na face da terra?
Que livro sensacional, Mauricio! PQP!!! (desculpe pelo alto índice de IPR neste e-mail).
Cara, folhear essas páginas é uma viagem inenarrável.
 
Mas tem um problema ai neste livro: algumas fotos dão um gatilho em um fã do BR ROCK, como eu.
Algumas páginas remetem a um pensamento: “opa, já vi essa foto em algum álbum que eu tenho aqui em casa”.
Dito e feito: Os Paralamas do Sucesso e a Legião Urbana estão lá, firmes, fortes e sacudidas, registradas pela Xeretinha de modo primoroso e marcadas a ferro e fogo na cabeça da audiência altamente qualificada deste programa.
Fui ver a ficha técnica dos álbuns que eu tenho aqui em casa e qual não foi a minha surpresa ao perceber que você sempre esteve lá, MauVal…
Caraca! Caraca! Caraca!
Nunca tive chance de agradecer pelos registros fotográficos tão bem feitos em álbuns clássicos que até hoje habitam o meu coração.

Muito obrigado, Mauricio.

Valeu mesmo!

E parabéns pelo livro: sensacional! Puta presente absurdamente bom que meu chefe me deu.

Forte abraço.”

Alessandro (SP)

liliane mandou pra gente (ou baez imitando dylan)…

Get the entire 90 minute film at http://www.amazon.com/dp/B0002MINVE . She imitates him at 1:16. In this clip, Joan Baez is at her home in Northern California informally singing with the great guitarist, Randy Scruggs, who was 16 years old at the time. She 1st recorded It Ain’t Me Babe in 1964. I love this moment as I did when I 1st filmed it. My 90 min. documentary also has. Bob Dylan, The Byrds, Doc Watson, Bill Monroe, and of course Earl Scruggs. What a time it was!

luiz, aswad e “small axe”…

Subject: Aswad
“Pelo que me lembro, Don’t Turn Around tocou pra meireles nas rádios do Braza, tanto que que peguei até certo ranço da música. Eu tinha uma coletânea dupla, Jammin’, saída nos anos 80 e que, entre outras pepitas, continha o big hit do Aswad. Confesso, envergonhado, que costumava até pular essa, de tanto que ela estava saturada e de tanto que eu estava mais empolgado com as outras faixas (Jimmy Cliff, Toots & The Maytals, Desmond Dekker, Black Uhuru, Pioneers, The Heptones, Janet Kay, Junior Murvin). Foi dos meus primeiros contatos um pouco mais sérios com a música da Jamaica, com exceção das primeiras audições de Bob Marley, também pelo mesmo período Mas quando a até então por mim desprezada faixa tocou durante o 426… como ela se aninhou macio no ouvido. Papo de lágrimas brotando e tudo mais.

Em outra situação recente, mais uma faixa da mesma coletânea, Silly Games da Janet Kay, também causou tremenda comoção.
Foi quando ela tocou na trilha de Lovers Rock, filme da série Small Axe, do diretor Steve McQueen. A série conta histórias da comunidade afro-caribenha vivendo em Londres nos anos 70 e 80 e todos os episódios são muito bons. Mas esse Lovers Rock… rapaz! Que pedrada! É um musical em torno de uma blues party, desde a montagem do sound system até a volta pra casa no dia seguinte. Tem umas cenas tão catárticas que te jogam no meio da pista de dança. Deve rolar no Amazon Prime por aqui, mas ainda não está disponível oficialmente. Imperdível.”
Luiz

manu & mel iluminando o domingo…

Re: Down under fans!

“Q q isso assim voces me matam de tanta felicidade, foi muita emocao em uma semana so!

Primeiramente muito obrigado pelo carinhoso e-mail ja tinha ficado super feliz com vcs terem respondido. Minha esposa ja estava de saco cheio de tanto q eu falava do email aqui em casa hehehe

Ai estava eu sabado de manha (ontem) voltando de uma trilha de bicicleta escutando no carro o ronca, quando de-repente escutei a linda mensagem de vcs. Putz fiquei tao emocionado, que carinho ter ouvido isso!

Quando cheguei em casa, coloquei o ronca no som de casa e as duas ficaram loucas! Nao tenho palavras para agradecer o ato de carinho de voces! Vcs tem q ver a felicidade da Manu, rimos muito pelo dia da repercussao q deu entre nossos amigos pois a maioria tb escuta o ronca, todas ficaram super felizes!

E como sempre #426 estava muito bom! Baixei o cd do Baianasystem com o Gil, que comentaram no comeco muito bom, tambem a I believe to my soul poxa que musica marabilhosa!

Bjao da nossa familia e seguimos aqui na alta sintonia com vcs 😊”

Leo

(Perth / Austrália)

demétrio & marriotta…

“MauVal e Nandão!

Nem sempre as lembranças são boas… no #426, você mencionou o fantástico Steve Marriott, e eu me lembro justamente do dia em que foi anunciada a morte dele no programa… à época, nós ouvintes, não tínhamos esse tipo de informação e foi realmente um soco no estômago…ainda mais da maneira trágica como foi. Lá se vão quase 30 anos da morte do líder da banda que lançou ‘Smokin’ uma obra-prima. Vejam só a triste ironia: smokin’…
Abraços!
Demétrio

 

JP, bia, cornershop & fernando barba…

Subject: Beijo da Bel e Cornershop.
“Mauricio, salve!

Primeiramente, Bel ficou radiante com os beijos de Nandao, o Mito e MauVal, a Lenda.
Segundamente: o que foi esse Cornershop do ultimo programa? Rapaz, se nao fosse tu, eu teria deliberadamente passado batido por eles. Lembro lá no longinquo 1997 em que nos venderam eles como sendo a revolução, a ultima bolacha do pacote e no fundo era só hype.
Mas adorei essa canção, ela é um festival de pequenos delitos musicais lindamente casados: vocal total Jesus & Mary chain fase Stoned And Destroned, flautinha do Astral Weeks e melodia de cordas entrecortando a musica do Tabua de esmeralda e até um quase pizicatto de violino do Lulu santos no finalzinho (da musica Assim Caminha a Humanidade)… até agora foram essas referências que eu achei.
Hoje é um dia triste pra musica brasileira, faleceu o Fernando Barba (lider e criador do Barbatuques), grande sujeito, gente finissima e revolucionario a sua maneira. O ceu está batucando hoje com ele.
Axe!”
JP

ricardo picotando o #425, em berlim…

Subject: Carne Doce, Pink Floyd e o cão Seamus, Radiohead …. roNca #425 ressoa em Berlim

“Mauval & Legend! Espantosa e maravilhosa a decolagem #425. Parabéns por oferecer à sedenta tripa um cardápio tão seleto e variado. Tascar um Pink Floyd com direito a agonia canina foi muito maravilhoso, pérolas sobre Cartola e a exclusiva premiére Carne Doce foi muito bom. Carne Doce mostra sua evolução e amadurecimento, com uma harmonia e mixagem que nos deixou de “ olho estacionado boquiaberto“ total (olho pode ficar boquiaberto?). Lembra um pouco o criativo Dengue Fever (Escape from Dragon House, Tap Water) que há muito não pinta no programa.

Batatada: erram os sábios Mauval e Legend quando informam que a ouvintada fica feliz em pesquisar tudo depois. Muita alegria temos quando recebemos todos os detalhes (praísso o PODCAT), e quero saber sobre o músico nigeriano sim e se o Jimmy e o Miles transaram com a Betty Davis sim. Quero saber menos de futebol, e muito menos do ingles (nem tenho time, fico boiando total). Lembra um pouco um quadro clássico do Monty Python, em que o entrevistador só pergunta no Quiz aos entrevistados Lenin, Che, Mao e Karl Marx somente sobre detalhes do futebol… ingles! AQUI  . Quando o papo fica muito futebolistico, aperto o FF e venho retomar o programa lá na frente, sem problema!  Please, toda a informação musical e Falation que couber no programa é bemvinda!

Lá atrás também teve um roNca soberbo em que Barone além de telefonar também enviou uma versão de Closer to the Heart do Rush (grupo que descobri na Maldita e até hoje me faz a cabezza), fazendo esplendidamente a batera do falecido Neil Peart *outro baterista compositor, letrou quase todas as músicas do power trio.  Fiquei muito feliz com a reentrada do Radiohead na programação (apesar da oposição da co-co-curadoria…) pois tem um leque criativo impressionante. Não à toa o OK Computer e Kid A estao na lista da Rolling Stone como 50 melhores álbums de todos os tempos, junto com Ziggy Stardust, Sargent Pepper, Miles e Bob Dylan… Também no Ronca #400 o Radiohead figurou como os 10 mais mais internacionais (também contaram com meu voto). Então….

Parabéns total e bola pra frente hehehe

Sempre grudado no RoNca, beijo jurássico”

Ricardo de Berlin

carlão piraNdo com damon, tony, flea e brushy one string…

Subject: Pirando com o Rocket Juice & The Moon + Brushy
“Maurição e Nandão,

Só pra agradecer a indicação do Suco de Foguete do Damon Albarn, Flea e Sir Tony Allen. Ouvindo o disco todo aqui e pirando! Bom demais!
Ah, e mais uma parada: vocês conhecem o Brushy One String? Se não, é um jamaicano que se notabilizou por tocar um violão de uma corda só! Se liguem na fera… Esse é do canal dele no YouTube, que tem outras pérolas… Acho que irão curtir.

Abraços tripeiros,”
Carlão