live at leeds (ou booga & caipirinha, ontem)…

Assunto: Live at Leeds

“Salve, Simpatia!

Um dia desses você precisa me dar umas dicas sobre fotografia de show, proque as minhas sempre ficam terríveis. Como essa em anexo…

Pelo menos o show foi legal, com uma platéia seleta e interessada, e o Boogarins de atração principal e consequentemente fazendo um show mais longo do que quando passaram por Leeds no ano passado, abrindo pro Tuneyeards.

Ah, e a camiseta (roNca rosa) ganhou elogios da banda, do Dinho em particular…

Abração,
Marcelo “Caipirinha”///

nas galáxias (ou muita calma nessa hora)…

calma, antes deste email do henrique (que chegou ontem) é preciso informar que ao clicar no link contido na palavra AQUI (ali embaixo), você será jogado numa viagem intergalática com zilhões de conexões inoxidáveis como nunca foi apresentada aqui no poleiro… enfim, confira o email e mergulhe fuNdo no link (de outubro2012)…

Assunto: Livraria Argumento, fotos, Vasco, astronáutica

“Mauval,

O tempo voa à velocidade da luz e já deve fazer um mês ou mais desde que reconheci a sua voz na Livraria Argumento. Não sei se você se recorda, eu fui o cara que cometeu uma indiscrição meio tiete, de correr e comprar o seu livro e de interromper sua conversa para pegar uma dedicatória.

O livro é classudo, bom demais da conta. E o melhor é aquele granulado inconfundível, efeito da química no filme. Digital se aproxima, mas não se iguala. Porque é moderno, mas não é eterno. Digressiono. E continuo por aqui, com minhas câmeras analógicas. E agora curtindo o Ronca por outras mídias. Acredite ou não, a última vez na qual havia lhe escutado, foi no chiado do rádio… Agora, novos formatos, novos horizontes, o programa se adapta ao meu horário, não o contrário. Não largo. Os anos de longe foram bons para celebrar esta reaproximação.

Por fim, e como tudo parece conectado, descobri que, se por um lado eu escuto o que diz o Ronca, a recíproca é verdadeira. Ou foi, ao menos uma vez. Notei que já fui notícia no site, na vez em que o MauVal escutou o que eu tinha a dizer – e assistiu o que eu mostrei. Recordar é viver… AQUI
Enquanto se esforçam para derrubar o Vasco, a gente vai colocando ele no alto, como dá, quando dá. 😊

Saudações vascaínas, espaciais, fotográficas… e musicais.

Um abraço do leitor-ouvinte-correligionário,”

Humberto

paz & amor (ou o milkshake estrogonófico)…

Assunto: Passeio no Bibi Suco

“Olá, Mauricio.
Tudo bem?

Fui ao rio semana passada e fiz questão de ir ao bibi sucos apenas para sustentar essa parceria com o roNquinha. Andei por vários quarteirões de copacabana até achar a loja da Miguel Lemos. Pedi um milkshake de açai no qual sonho desde então. delicioso!

Falei para a garçonete que estava indo fazer meu lanche no bibi pq ouvia o roNca roNca, mas acredito que ela não faça a menor ideia do que seja. kkkkkkk

Aqui vai uma foto minha suada porém feliz! Qual você frequenta? quem sabe na proxima nos vemos por lá! bj 🙂

uma sugestão: descontos no milkshake para quem ouve o roNca roNca!”

Denise

bruno & os vinilos…

Assunto: ViNilos, ViNilos!

“Fala Mauval.
Eis que batendo perna no Mercadão de San Telmo, me deparo com uma ‘tienda’ vendendo o que? Vinilos, vinilos! hahaha

Un gran abrazo pra você e para o Marcello Callado.

Segue foto da xeretinha direto de Buenos Aires…”

Bruno

 

cheNgdu’s calling (ou a filosofia da dinastia xing-lingling)…

Assunto: alo da China

“Alo alo Mauricio e Nandão,

Que maravilha ouvir o último programa e receber esse salve vindo de vocês ecoando aqui nos cafundós Xing lings! Vcs não imaginam a minha felicidade por aqui! Na hora estava eu pintando no estudio e tomando uma cerveja chinesa a base de muita água e sei lá o quê, ruim pra cacete mas com o Ronquinha deu outro sabor à bagaça! Muito obrigado de coração! Vcs são demais!
Quando a gente fica longe de casa assim é maravilhoso qualquer coisa mais familiar que chega, ainda mais aqui onde tudo é diferente e com essa net bizarra sem conseguir entrar em nada!
Infelizmente terminei de ouvir todos os programas do Podcast do Iphone, tem 11 lá. Não consigo acessar nenhuma outra plataforma que me possibilite fazer o download de mais coisas.
Por acaso vcs tem sugestões de outros Podcasts de música pra eu procurar aqui? Como vcs disseram em um dos programas, realmente é osso achar alguma coisa interessante que toque mais música do que emita opiniões. O Nandão está certo, todo mundo está mais preocupado em falar o que pensa que deixar a música falar por si própria.
Estou tentando ainda sem sucesso encontrar um chinês pra fazer uma chamada pro Ronca Ronca. Mas acho que eles não entendem a finalidade, são tímidos ou tem medo de alguma coisa! ahahahaha

Ontem fui à um outro bairro antigo aqui e mando fotos de mais algumas delícias dessa terra e outros detalhes!

Mando aqui mais algumas sugestões que tem a cara do programa:

Fungado na Barra – Roberto e Meirinho (o refrão parece uma participação do Marcelo D2)
Que le han hecho a mi cancion, mama? – Janette
Smoke Smoke Smoke – Sammy Davis Jr
I want to know – Adriano Celentano
Brother (1975) – Emilio Santiago

Valeuzão one more time!
Um grande abraço e até”

Eduardo (Chengdu / Província Sichuan / China)

######

reforçando a milenar filosofia da dinastia xing-lingling citada pelo eduardo:

“O Nandão está certo, todo mundo está mais preocupado em falar o que pensa que deixar a música falar por si própria”

 

aTRIPA trippin’…

Assunto: News daqui do outro lado do planeta

“Olá Mauricio e Nandão!

Porra, caras, que emoção foram esses dois últimos programas! Eu andei meio atrasada nas atualizações do site e olha a minha surpresa quando vejo minha foto estampada lá!
O Ronquinha surgiu na minha vida precisamente em 1997! Eu tinha acabado de ganhar a lata Pólvora dos Paralamas e eis que aquelas fotos me levaram a buscar por um tal de Mauricio Valladares, que na minha cabeça deveria ser um cara de outro planeta, porque as fotos eram difudê! E aí, encontrei o ronquinha! No início acompanhava pelo site, aí veio a fase OiFm e virei ouvinte fiel! Toda terça-feira as 23h estava eu lá, preparada pra mais um turbilhão de boas vibrações! Mas sempre fui daquela parte da tripa que fica quietinha! Num momento de muita inspiração com a presença do Arthur Dapieve no programa, mandei e-mail e descolei uma camiseta, numa edição meio rosa e sigo com ela até hoje, reverberando esse programa que orienta desorientando!
Por aqui, a gente continua descobrindo novidades, relembrando pérolas e apreciando o melhor com vcs!
Então, obrigada pela citação, obrigada pelas músicas da xará maravigold e saiba que a Nova Zelândia fica mais perto de casa com o som de vcs!

Segue fotoca usando essa pepita, afinal de contas, preciso me apresentar!

Obrigada por todos esses anos! Vida longa!”

Beijos da Evinha do lado de cá do planeta!

+

Assunto: Inoxidavelmente Nostálgico

“Fala Mauval, acho que sua voz tá meio baixa hein…

Vibrando direto de BH pra celebrar que o Ronquinha chegou no Spotify, tomando uma beleza de uma Appia – vulgo puro suco de cevada dos deuses. Na foteta tá no tocador de podcast, mas na real tava nostalgiando ouvindo o #168, e seus 45 minutos de CAT Fio Dental Power.

Demais… Vai uma dica de nome pro valetinho do Nandão: Kevin Dylan Young Gilberto.

Fiquei queroso na porcela Mimiming, mas os trafica Rio-BH acho que tava naquele avião lá naquele país europeu que ficou pelas redondezas da catalunha.

Ademais: Hypnotic Brass Ensemble em BH foi qualquer coisa cabeleira altíssima, parte funda da piscina, e eu que num sei nadar naufraguei lindamente. Demais!

Sem mais delongas, forte abraço!”

Paulo

+

Assunto: Aux Armes Et Caetera (La Marseillaise)- Serge Gainsbourg

“Bonjour Monsieur Mauricio

Como vão as coisas ai no Rio meu camarada?

Estou sempre na escuta do Ronca aqui em Louvain-la-Neuve na Bélgica

Bem, creio que você já conhece o Serge Gainsbourg de outros “pelos”

mas confesso que tirei as calças pelo pescoço quando ouvi essa versão do Hino dos Les Bleus.

No mais, a garotada do The Black Keys está com album novo na praça

Dá uma sacada no “case” do Patrick Carney, baterista da banda

No site dos caras tem uma sequencia incrivel do Dam com os albuns que ele mais gosta

Toca qualquer uma dessas no Ronca da semana que vem
Eu vou pirar

Saudades do Rio, saudades das festas roncásticas

Abraço”

Rodrigo

agenda…

@luciakoch faz fotos de caixas de papelão parecerem o interior de casas gigantes. Lucia pega emprestado a luz do dia para colorir nossas vidas. Lucia coloca cortinas esvoaçantes em predios e casas mundo afora. No sábado as 18h Lucia vai invadir nossa exposição com videos recentes, fotos antigas e uma trilha composta por Domenico Lanceloti para a instalação que apresentaram juntos na Bienal Opens Spaces em Kansas City. Chega mais na @_om.art_ !

Frederico Coelho é professor, ensaísta, pesquisador, DJ, letrista e muito mais. Vive escrevendo sobre música, literatura, artes visuais, cineastas, poetas etcétera e tais. No sábado as 19h vamos inverter os papeis para tentar explicar Quem é Frederico Coelho? uma entrevista ao vivo conduzida por mim e @cabelocobracoral no meio da exposição EXPERIENZALIVECINEMA #4 no studio @_om.art_ Chega mais!

clóvis & as gerações…

Assunto: Minha Caneca Bibi chegou!

“Prezado Mauricio, me chamo Clóvis tenho 38 anos sou de São Paulo capital e venho por meio dessa “cartinha” agradecer a belíssima caneca que se encontra em minha discreta coleção e ainda mais com esse toque sensacional de seu autógrafo. A Caneca me foi entregue pelo meu irmão carioca o querido Alexandre.

Aproveito a oportunidade e peço a música: Silvia: 20 horas, domingo com a vinheta sensacional do bar Pires do nosso príncipe Ronnie Von.

A caneca permanece em boas mãos e por várias gerações.

Abraços fraternos.”

Clóvis

a bula do #344…

love – “the daily planet”

trio esperança – “o passo do elefantinho”

meneio – “mudra”

joão gilberto – “samba da minha terra” (ao vivo, 1964)

joão gilberto – “o pato” (ao vivo, 1964)

aterciopelados – “floresta rockera”

nick drake – “hazey jane II”

pink floyd – “arnold layne”

R.E.M – “can’t get there from here”

mohammed el-bakkar – “ya habibi”

the beatles – “the word”

soft machine – “fletcher’s blemish”

basement jaxx & adriana monteiro – “eu não”

massive attack – “man next door”

vinhetas carmela & scarlet moon

marcelo callado – “exit exist”

odair josé – “ouvindo rádio”

odair josé & jorge du peixe – “imigrante mochileiro”

ouça AQUI o programa