nick & aTRIPA…

ontem, recebi um pombo sem asa do gerson que conheço apenas por carta/email… uma leNda com mais de 25 anos a bordo do jumboteKo. isso, duas décadas & meia sintonizado no roNca… mamãe!

disse ele, sutilmente:

– maurição, trouxe de paris o “skeleton tree” do nick cave em vinil pra você

ao ler o tal pombo, meus zôio começaram a suar loucamente… e o inoxidável encontro acabou de acontecer…

nick

PQParille… aTRIPA!

( :

olha o pedido do z´da mar´ (ou rafael forévis)…

botando a tampa nos pedidos à meia noite, ok?

atripa

Assunto: 200!!!
“Meu caro Mauricio, passando aos 40 do segundo tempo pra fazer um pedido para o programa especialíssimo de número 200…estou aqui, em New netherlands, às quatro da manhã ouvindo pela segunda vez seguida um disco que me era um velho conhecido de sebos (o “Steve Mcqueen”, do Prefab Sprout), um disco que eu literalmente esbarro a todo momento e sempre deixei de lado, essa semana eu achei e sei lá porque tive o impulso de compra-lo…e to aqui, ouvindo a “porcaria” do disco pela segunda vez, mesmo sabendo que terei que estar acordado dentro de cinco horas.Isso pra representa um resquício do que é o Ronca Ronca:obsessão por música rs.
Sinto um impulso de escrever um textão pra esse momento, mas tentareibser o mais breve possível : gostaria de pedir prabque tocasse no programa 200 algo de:
Karen Dalton – a conheci pelo ronca!Deusa!(qualquer uma serve).
Neil young – “The loner”…uma das minhas primeiras memórias sobre o programa e de você anunciando que ele tocaria no Rock in rio, tocando essa música)
Oswaldo nunes – “Deixa o meu cabelo em paz”.Outra musica que eu amo e que pra mim fede a ronca ronca, afinal, conheci pelo programa.
Belle and sebastian- “Legal man”(é  literalmente a minha primeira lembrança de estar ouvindo e gravando o programa, 16 anos atrás).
Grateful dead(qualquer uma) ou.”Alladin Sane”, do Bowie , o que me lembra o meu, o nosso, caro amigo Rafael Velasquez nesse fatídico ano de 2016, fica como homenagem.
Enfim,  poderi ficar aqui falndo de dezenas de.momentos marcantes, mas se tocar 30 segundos de qualquer música citada, ou nada disso, me sentirei representado mesmo assim, afinal, o ronca é o ronca e grande parte da graça do programa é justamente as novidades inesperadas que estão por(se ou)vir .
Valeu Mauricio, estamos juntos rumo ao programa de número mil!(na web, na vida você já ultrapassou isso faz tempo rs).
Abraço”

antes que as labaredas subam ainda mais…

a graziela, logo ali abaixo, levantou a possibilidade de haver um manto especial para o #200, certo? nossa curadoria de arte tratou de fazer uma imagem sarapona (de propósito) para ilustrar a mensagem dela… só que a rapeize, na fissura pela camiseta, jah está perguntando por promoção, onde será distribuída e coisa & tal… mas é isso, a imagem do roNca#200 é um remix xarope desta aqui…

christiano

negativos & positivos (409) [flageral]…

a art-rio, que começou ontem, abriga (mais uma vez) um mega stand da galeria lurixs com quem tenho o prazer de estar envolvido até o talo.

esse ano, ela escolheu uma cena que jamais voltará a ser fotografada ou testemunhada por quem quer que seja. um retrato da sociedade que foi proibida de frequentar as arenas padrão FIFA. rostos de uma gente que desceu pelo ralo do mundo globalizado, gourmetizado, bundamolizado… um pedaço do templo máximo do futebol que foi desrespeitado, vulgarizado, implodido, esquecido… PQParille!

geral1geral2geral3geral4geral5fla-tico

flageral  /  maracanã (rio de janeiro)  /  maio1980

maNto200…

ronca200

Assunto: Manto 200
“Fala Mauricio!
Blz? Podia ter um manto comemorativo do programa #200 e vcs podiam enviar um de presente para o meu marido, o Thiago de BH, que está sempre presente nesta estrogonofica programação! O dele tá velho mas tá tão velho e mesmo assim ele faz questão de sair a caráter! Aí eu passo um “tiquim” de vergonha né? Já tá com cara de pijama hehehe! Ah, adoro a vinheta da Carmela, que já deve tá grandona! Abraço pro Shogun!
Abraço procê tbem!”
Graziela

aTRIPA desorieNtadaça pro #200tão…

lembrando que a tampa nos pedidos será colocada à meia noite de sábado, ok?

por exemplo…

roncatripa2

Assunto: O Duzentão!!
“Fala Maurício!!
Cara, que satisfação estrogonófica fazer parte da tripa!
A música sempre foi parte significativa na minha vida. Não faço nada sem música, é minha terapia, minha companhia, minha inspiração. Influências de minha mãe e meus primos mais velhos me trouxeram um mundo de música boa, sem rótulos! E hoje o Ronca é minha fonte principal de descobertas, revisitações e novas “músicas preferidas” toda semana! Como foi o #199! Joan Armatrading, Paul Simon, Jimi Hendrix e Shilpa Ray: Taqueparille!!!
Mas aí veio Judy Henske!! Que pedrada!! Bateu forte demais aqui, Maurição! Já perdi a conta de quantas vezes o álbum tocou no repeat!!! Parafraseando Otto: “manda mais Mauricio, manda mais Judy Henske por favor no Duzentão!!!
Vida longa ao Ronquinha!!
Forte abraço no Shogun!!
Abraços”
Thiago – BH
+
Assunto: 200 e cinema
“Fala Mauricio..tudo bem?
200 programas…que maravilha, cara!!!
…e que venham mais 2.000!!
faço parte da tripa alguns anos (no dial da Oi fm) e sempre que possível eu trago mais pessoas pra torcida…é fundamental…sério, ouvir o ronquinha me ajudou muito..trouxe de volta o gosto pela música e aí o estrago já estava feito..faz a gente repensar a vida como um todo..Obrigado..um eterno agradecimento…no coração!!
Queria pedir dois artistas que sinto falta ultimamente no ronquinha:
Flaming Lips: A Spoonful Weighs a Ton (do clássico, clássico, clássico Soft Bulletin)
Walter Franco: Respire Fundo (do não menos clássico disco de 1978)
Cinema:
Mauricio (sobre o papo da trilha do Aquarius) fui professor de direção de fotografia no curso de audiovisual nos últimos 10 anos em SP, e ano que vem vou dar aulas em Curitiba..sempre falei do ronquinha pra galera cinéfila mais antenada e muitos já entraram na tripa. O legal é perceber uma disposição dessa nova geração em ouvir coisas novas (mesmo que antigas..Eu frequentava um Sebo que tinha a sequinte pichação na porta: Livro novo é aquele livro que você nunca leu…). Sinto que o chão, tão seco nos últimos tempos, está ficando fértil novamente… A galerinha está vindo com força..sem cinto de segurança…
Cara como consigo o MaNto? Sempre quis dar aula vestindo a camiseta!!
por último,
rapaz você viu esse filme??
London Town Trailer 1 (2016) Jonathan Rhys Meyers Drama Movie HD [Official Trailer]
é isso..desculpe o email longo
abs e novamente Obrigado!!!!
o melhor, o melhor!!!”
Leandro
+
Assunto: #200tão
“Fala, Mauval!

O meu pedido pro programa #200 é qualquer música do disco “Orós” do Fagner. Meu pai me deu esse disco uns 12, 13 anos atrás e sua audição mudou completamente minha pré-concepção sobre o artista Fagner além de escancarar um horizonte musical que eu não enxergava. Putz, Fagner na sua fase mais cabeleira alta com Hermeto!
O Ronquinha também escancara meu horizonte musical semanalmente e quando rola alguma música do Fagner então, rapaz, felicidade total…. então, manda uma do “Orós”, Mauval!
Grande abraço!”
Cesar
Rio de Janeiro
+
Assunto: Para o duzentão
“Mauricio e Shogun,
Se o programa fosse só meu (o que não teria graça alguma), eu começaria com Focus (Hocus Pocus). Mas eu não conseguiria montar 200 horas e teria dificuldades em montar os 200 minutos pelos quais esperamos ansiosamente.
Então, além de Focus, eu colocaria Orgasmatron (Sepultura, que tocará dia 05/11 no Hell in Rio), Bichos Escrotos (Titãs), Smells Like Teen Spirit (essa é fácil), alguma John Mayall (estou sem o álbum pra lembrar o nome), mandaria uma do B-Negão, Jonas e a Baleia (pelamordedeus, não deixe essa de fora), e soltaria Walk The Line (do Cash). Chama também a mulherada pra festa: Patti Smith (acho que Horses cairia bem) e Janis Joplin.
Acho que é só isso pro duzentão…
Um abraço e vida LoNga ao RoNca RoNca. Que venham mais 200!”
Marcos

a chapa está esquentando pro #200tão…

pelo andar da carrocinha, nós teremos – semana que vem – as três horas e vinte minutos do programa, exclusivamente, com os pedidos d’aTRIPA… é bom lembrar que você tem até à meia noite de sábado para participar pelo programa@roncaronca.com.br, ok?

será uma marca espetacular transformar o #200 em algo que represente tão bem a conexão do jumboteKo com a ouviNtada.

os pedidos chegam estrogonoficamente (qualidade & quantidade)… e, acima de tudo, carregados de muuuuita emoção. são Histórias, lembranças, cheiros, referências, aprendizados mil, trocas, amizades… tipo este monumento:

Assunto: Pedido de música pro RoNquinha #200

“Salve MauVal! Salve Shogun!

Tá chegando o #200 e tou matutando qual música pedir e se possível ser tocada no #200 ou em algum futuro próximo, tou aqui vendo meus discos, quando vi o meu os Grãos dos paralamas e puta merda que capa do carai. Essa foto era o que me chamava atenção na coleção de meu pai, sempre tive medo de pato/ganso da dona Maria,  vizinha aqui de Japeri que deixava os bicho soltos na rua e sempre corriam atrás da criançada, incluindo esse que vos fala. Mas essa capa sempre me marcou de pequeno (fora que a música “ah, Maria”, era meio que um tema dos meus pais que ouviam aos domingos quando ainda casados. Meu pai malandramente trocava o” Ah, Maria” por “Aaaaílaaa” nome da minha mãe, coroa esperto.) crescendo mais um pouco sabendo ler vi na ficha técnica e queria saber o nome de quem era dono da foto é num é que era tu? Aí vi que monte de discos que meu pai tinha possuia foto tua. Mas nem me ligava moleque quem era Mauricio Valladares, mas em 2005 conheci o RoNca com quem? O sr e foi paixão que num soltou mais, sigo o RoNquinha desde então.
Pelas memórias de criança, pela capa do carai e pelo RoNquinha queria pedir OS GRÃOS d’Os Paralamas do Sucesso,  versão do álbum mesmo.

Um abraço em ti meu rei e outro em Shogun.

Axé, saravá & Cheers /+/”

William
Engenheiro Pedreira, Japeri.

graos

a promo de ontem + a rapeize cascuda de BH, no quiNtal…

relembrando:

fizemos, ontem, duas promos com o compacto de calladinho, procede?

a primeira, foi exclusiva para quem estava conectado LIVE ao jumboteko e, consequentemente, acabou à meia noite… ou seja, as participações só valeram dentro do roNca.

o rodrigo cruz, de salvador, faturou o vinil do callado e respondeu que a música tocada pelo do amor que está no compacto do programa (lançado em 2011) é “mindingo”…

mindingo

a segunda, expirou ainda agora  – às 18h – e a resposta foi “caetano veloso”, o tal um com quem calladinho tocou nos últimos anos… a curadoria do programa está compilando as participações para fazer o sorteio dos dois sortudinhos.

beleza?

pois bem, o douglas enviou a mensagem abaixo foreta do prazo de ontem apesar de dizer “mindingo” (a promo estava encerrada), pediu negro léo no #200 e apresentou a rapaziada de BH que nos enviou há tempos a vinheta onde todos, descabeladamente, celebram o programa, no quintal, depois do trabalho, cercados da mais pura manguaça mineira.

hahaha, segura…

Assunto: Promoção compacto Calladinho + #200

“Fala, Mauval!
diretamente do quintal do caldo de abóbora e da cerveja BH Brasil quero lhe dizer que 1) eu acho que o nome da música do Do Amor no compacto é Mindingo; 2) toca aí umas duas do Água Batizada do Negro Léo no 200! E leva ele um dia no programa, por favor. Esse disco está inacreditável!

Abração!”
Douglas

P.S. pra acompanhar enfim nossas vozes e em nome do enorme orgulho de ter virado vinheta entre as melhores vinhetas do mundo, uma foto nossa no quintal, muito provavelmente ouvindo o ronquinha!

atripa-bh

D+D+D+D+D+D+D+D+