futebol

mais um brutal domingo medieval…

briga

esta imagem pra mim, tem a dimensão do china encarando o tanque, do engravatado terrorista com a arma pra cima na galeria de arte e de outras tantas onde o descontrole assume proporções brutais… mamãe!

caramba, o coração dói ainda mais depois das fotocas da carmela… mas as cenas de hoje, em curitiba, são pra neguinho parar e pensar que algo tem de ser feito urgentemente, drasticamente… sei lá, tipo os jogadores paralisarem o campeonato… ou então, os torcedores desgarrados das organizadas optarem, organizadamente, pela TV.

ah, tá… mas como proceder? what to do?

caramba, não sei… mas eu já começo a pensar, seriamente, em jogos de torcida única… “this is the end” (j.morrison), mas é algo concreto… PQP!

tirem as crianças da sala…

) :

relato do tricolor christiano sobre o jogo de ontem em são jujuba (ou paz total no clássico)…

flu

“Mauval, ontem ao contrário das orientações do GEPE, fomos direto para o bar Tunísia, na rua Teixeira Junior, a 500m da entrada de visitantes. Chegamos ao meio dia.

Chinelo, bermuda e camisa mocada no bolso. Meu pai usava um casaco por cima da camisa, em meio ao calor que fazia. Mas era o mesmo casaco que já assistiu vitórias sobre corinthias e santos, fora de casa. Prevaleceu a superstição.

Cerveja gelada com alguns flanelinhas, muita gente passando com a camiseta do Vasco. Ninguém parava ali por mais de 5 min. O bar ficava na rota em que a torcida do Flu passaria escoltada.

Por volta das 14:30 a PM vem na frente retirando qualquer torcedor ou bandeira que faça alusão ao adversário. O dono do bar avisa. “Amigo, vou fechar as portas senão pode começar a guerra das cervejas”.

O clima é tenso entre as duas torcidas desde fev/17, quando um amigo nosso, torcedor pacífico, foi covardemente agredido na Tijuca por membros daquela torcida organizada do vasco. Simplesmente porque estava usando uma camiseta do Flu. Pedro Scudi continua no hospital. Os agressores já foram identificados mas continuam soltos.

Como gado, vem descendo a rua 800 pessoas sendo pastoreados pela ineficaz PM do Rio. Em menos de um minuto, somos reconhecidos pelos diversos conhecidos que ali estavam. “Vocês são malucos, tão fazendo o que aí nessa esquina?”.

Camisa, fora do bolso. Casaco amarrado na cintura. Nos juntamos ao final da caminhada (foto) e chegamos ao portão 11, onde a torcida do vasco preparou uma recepção para nós. Como numa festa de debutantes, vários balões e pixacoes na cor rosa fazem alusão à má fase do Flu no fim da década de 90.

Fiquei pensando, mesmo um time que se orgulha da luta contra o racismo, se utiliza da homofobia como se isso fosse uma forma de provocação.

Alguns riem e tiram fotos. Outros se ofendem e começam a arrancar a homenagem. Triste ver como no futebol a questão da sexualidade ainda é um tabu muito forte.

Daí, pra frente tudo tranquilo. Muitos amigos, cerveja latão quente, músicas novas sendo ensaiadas para tentar emplacar na arquibancada.

Dentro do estádio, não fosse por alguns que resolveram se comportar como os animais que a PM insiste em tratar o torcedor, tudo na paz.

O bom desses jogos em que a torcida é obrigada a ficar toda em apenas um espaço, é que o canto sai em uníssono. Sou desses caras chatos que fica incentivando o outro a cantar e deixar o celular no bolso durante apenas 90min.

Dentro de campo, vitória justa do vasco que jogou mordido depois de ter levado dois 3 a 0 da gente. Segundo tempo frenético e cinco gols no total.

Pelo menos assistimos um bom jogo.

E segue o brasileiro. Mais três pontos pro Vasco. Como um vascaíno amigo meu diz, o brasileirão é o campeonato em que 20 clubes lutam pra não ser rebaixado e um acaba sendo campeão.

Abraço,”

Chrisottoni

assento574…

Assunto: São Janu

“Mauval, ingresso pro clássico garantido desde quarta feira.
Contra o anfitrião será meu segundo jogo, mas já não consigo contar nos dedos das mãos a quantidade de vezes que assisti o Flu em São Janu.
Frequentar São Januário, Moça Bonita, Giulite Coutinho, Conselho Galvão, Rua Bariri, Teixeira de Castro, é um reencontro com o futebol que nos arrancaram com o Maracanã.
Infelizmente, a ratazana que hoje comanda o vasco faz de tudo para atrapalhar o espetáculo. E com a ajuda do GEPE, diminuiu a carga de ingressos de 2000 para pouco menos de 1000 ingressos para o Flu. E estão orientando os torcedores a se concentrarem na arena maracanã para ir andando escoltado até São Januário.
Infelizmente dessa vez minha experiência vai se restringir a entrar e sair do estádio.
Que possamos ao menos assistir um bom jogo.

Abraço,”

Chris

vasco.flu

a primeira vez a gente nunca esquecerá (ou yuri forévis)…

gabi.tico2

ontem, gabirucha estreando em são jujuba… euzinho atropelado por emoções pra lá de especiais, dureza com o bahêa e permanentes lembranças do inoxidável, MEGA apimentado, fio desencapado, saudosíssimo yuri, o mais estrogonófico torcedor do esporte clube bahia, em todos os tempos.

em 2011, tivemos o prazer de passar por essa experiência mística, também em são jujuba… quando xeretinha registrou o baiano psicodélico com vaguinho (leNda) informando o resultado do embate:

yuri.tico

yuri forévis!

klebinho mandou pra gente (ou bye bye white hart lane)…

tottenham.tico

Assunto: White Hart Lane
“Fala, MV.

Pra quem tem no futebol um fator de formação de caráter, autoestima e sensação de pertencimento, ver um estádio histórico ir abaixo é sempre uma tristeza, ainda que seja do outro lado do Atlântico.
Olha que matéria incrível o Guardian (sempre ele) fez sobre isso.
E as histórias, principalmente as da 2° Guerra Mundial, são paralisantes.
Abraços”
Kleber

ondino & aTRIPA…

ondino.flu.tico

antes de exibir a msg do christiano, vale contextualizar a situation com este registro acima captado pela xeretinha, em setembro1993, no salão de gala do fluminense quando meu tio ondino viera (virou vieira no brasa) foi MEGA homenageado pelo gigante tricolor.

na foto, entre muitas lendas que não reconheço, estão (da dir p/ esq): telê santana (sorrindo), zezé moreira (sentado de terno, monstro), ZIZINHO (com a mão na boca, DEUS), DIDI (com a bengala, O FUTEBOL)), ADEMIR MENEZES (coçando a oreia, PQParille) e ondino olhando pra gente (bem no meio).

todos passaram pelos maiores clubes do planeta, todos alimentaram uma amizade inoxidável com ondino e um respeito incomum… o fluminense soube reconhecer nossa História (nossa mesmo, de todos nós) e confeccionou esse inesquecível momento.

entre as grandes traquinagens de ondino está, simplesmente, a de ter sido campeão invicto com o expresso da vitória cruzmaltino, em 1945… são tantos os mitos criados pelo monumento que até consta dele ter colocado a faixa diagonal no manto vascaíno.

nessa mesma semana de setembro93, entrei numa de levar ondino a são januário (vasco 2 X 4 grêmio) para rever o estádio onde ele reinou absoluto e, certamente, reencontrar vários companheiros… pois bem, as ratazanas (que estão lá até hoje) sequer apareceram para oferecer uma água da bica ao ilustre visitante… como de favor (e de muita insistência) arrumaram uma cortesia de estacionamento… cambada de imundos, FDP!

pronto, vamos ao email do christiano…

 

Assunto: Ondino Vieira
“Mauval, por conta da presença do Flu em terras Uruguaias nessa semana para enfrentar o Liverpool URU no estádio Centenário, o globoesporte.com com colaboração do Heitor D’alincourt da Flu Memória, preparou duas matérias inoxidáveis relembrando o seu tio Ondino.
 Eles contam um pouco da historia dele no clube e falam sobre as 2 partidas em que ele, comandando o Flu contra a seleção Uruguaia em pleno Estádio Centenário, pouco mais de um mês antes de acontecer o famoso Maracanazo, segurou a futura campeã Mundial com dois empates.
Muito bem feita as duas matérias. Uma aula para tricolores e apaixonados por futebol. Pena que esse tipo de matéria, abordando a historia dos clubes seja tão rara naquele site. Mas vale o click.
Abraço”
Christiano

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/fluminense/noticia/ondino-viera-o-uruguaio-que-mudou-o-flu-e-que-abel-tenta-superar.ghtml

o maior do mundo (ou como assim, bial?)…

ontem, antes do jogo, catando infos sobre vasco X flu cliquei num “portal” (não lembro qual) que destacava:

– veja imagens do vasco chegando ao maracanã

no que abriu a “reportagem”, o possante “jornalista” mandou:

– aí está o vasco chegando ao maior do mundo…

?!

hein? como assim, bial?  o “repórter” é da editoria de gastronomia ou de medicina?

PQParille… algo parecido com um outro “jornalista” que escreveu num outro “portal” sobre a vitória do chelsea:

– time londrino bateu o tottenham por 4 a 2

hahaha… na mesma vibe o meliante relataria sobre uma vitória do flu:

– time carioca elimina o flamengo por 2 a 0

por essas e outras:

– BEM VINDO PEDRO SÓ

prestencão na listinha com a inclusão do “maior do mundo”:

List of Football (soccer) Stadiums by size
Stadium Seating capacity City Country or area Home team(s) & events hosted
Rungrado May Day Stadium ★ ♦ 114,000[1] Pyongyang North Korea North Korea Korea DPR national football team
Bukit Jalil National Stadium 110,000 Kuala Lumpur  Malaysia Malaysia national football team[2]
Camp Nou ♦ 99,354[3] Barcelona  Spain FC Barcelona
FNB Stadium ♦ 94,736[4] Johannesburg  South Africa South Africa national football teamKaizer Chiefs2010 FIFA World Cup
Rose Bowl Stadium ♦ 92,542[5] Pasadena  United States 1994 FIFA World Cup Final, 1999 FIFA Women’s World Cup Final, Exhibition matches of professional teams, occasional USMNT matches
Wembley Stadium ♦ 90,000[6] London  England England national football teamFA CupLeague CupFootball League play-offs2011 UEFA Champions League Final2013 UEFA Champions League Final
Gelora Bung Karno Main Stadium ♦ 88,083[7] Jakarta  Indonesia Indonesia national football teamPersija Jakarta
Estadio Azteca ♦ 87,000[8] Mexico City  Mexico Mexico national football team1970 and 1986 FIFA World Cup Finals1968 Summer Olympics
Borg El Arab Stadium ♦ 86,000[9] Alexandria  Egypt Egypt national football team2006 Africa Cup of Nations
Salt Lake Stadium (Yuva Bharati Krirangan) ♦ 85,000[10][11] Kolkata  India India national football teamAtlético de KolkataMohun BaganEast BengalMohammedan
ANZ Stadium 84,000 Sydney  Australia Western Sydney Wanderers
Croke Park 82,300[12] Dublin  Ireland Gaelic Athletic Association
Signal Iduna Park (Westfalenstadion) ♦ 81,360 Dortmund  Germany Borussia Dortmund2006 FIFA World Cup
Stade de France ♦ 81,338[13] Saint-Denis  France France national football team2006 UEFA Champions League FinalUEFA Euro 2016 Final
Santiago Bernabéu Stadium 81,044[14] Madrid  Spain Spain national football teamReal Madrid C.F.
Luzhniki Stadium ♦ 81,006[15] Moscow  Russia 2008 UEFA Champions League Final
Shah Alam Stadium 80,372 Shah Alam  Malaysia Selangor FA
Estadio Monumental “U” ♦ 80,093 Lima  Peru Universitario de Deportes
Stadio Giuseppe Meazza (San Siro) ♦ 80,018 Milan  Italy A. C. MilanF. C. Internazionale
Guangdong Olympic Stadium ♦ 80,012 Guangzhou  China Guangzhou Evergrande *some games
Stade 5 Juillet 1962 ♦ 80,000[16] Algiers  Algeria USM Alger
AT&T Stadium 80,000 Arlington  United States 20092011 and 2013 CONCACAF Gold Cup
Stade des Martyrs ♦ 80,000 Kinshasa  DR Congo Vita ClubCongo DR national football team
Beijing National Stadium 80,000 Beijing  China 2008 Olympic men’s football tournament final
Azadi Stadium ♦ 78,116[17][18] Tehran Iran Iran Iran national football teamEsteghlal FCPersepolis FC
Atatürk Olympic Stadium ♦ 76,092[19] Istanbul  Turkey 2005 UEFA Champions League Final
Old Trafford 75,731 Manchester  England Manchester United F.C.2003 UEFA Champions League Final
Allianz Arena 75,024[20] Munich  Germany FC Bayern MunichTSV 1860 Munich
Naghsh-e-Jahan Stadium 75,000 Isfahan Iran Iran Sepahan F.C.
Maracanã Stadium ♦ 74,738[21][22][23] Rio de Janeiro  Brazil Brazil national football teamCR FlamengoFluminense FCBotafogo FRCR Vasco da Gama1950 and 2014 FIFA World Cup Finals
Millennium Stadium ♦ 74,500 Cardiff  Wales Wales national football team2017 UEFA Champions League Final
Cairo International Stadium 74,100 Cairo  Egypt Egypt national football teamAl-Ahly S.C.Zamalek SC
Olympiastadion 74,064 Berlin  Germany Hertha BSC
Stadio Olimpico 72,698 Rome  Italy A.S. RomaS.S. Lazio