jim jarmusch

iggy & os patetas…

sabe qual a possibilidade de se fazer alguma obra sofrível sobre iggy & the stooges?

pouca… pouquíssima, quase zero… ainda mais com jim jarmusch na direção.

mas sabe quando você vai ao encontro de um filme com a expectativa de presenciar um artefato inesquecível e deixa o cinema com a sensação de ter faltado aquele toque especial na telona?

pois é, foi essa a vibe ao final de “gimme danger”… cacilds, iggy pop contando a História dos patetas + cenas inéditas + Música + depoimentos (poucos) de gente como mike watt… e a trosoba não chega onde você estava aguardando.

não, claro que não é ruim – longe de ser – nem tem como ser – mas tudo está muito certinho, limpinho… e a gente está tratando de IGGY e os stooges, o máximo da desorientação em todos os níveis… nada surpreende, tão pouco cutuca as entranhas ou o coração… e acaba ficando o gostinho de “gimme danger” ter sido mais um episódio do “profissão repórter”… putz!

danger