torcida roNca

lascou, tem jeito!!! ( :

 

Subject: SWU e Ronca Ronca
“Boa noite pessoal do Ronca Ronca!
Agora tive a oportunidade de escrever para vocês após voltar de Itu e do SWU.
Maurício e Nandão, foi de imenso prazer curtir os shows do palco Oi Novo Som apresentando brilhantemente pelo Nandão. E mais emocionante ainda foi ver a gratidão das bandas a vocês e a batalha que vocês enfrentam diariamente para tê-las ali. 

Infelizmente só pude comparecer ao festival no último dia (11) e foi o suficiente para mim. Acordando às 03h, sai de casa às 04hrs e fui em direção a Novo Rio embarcar naquele convencional grosseiro rumo a Sampa. Longa viagem, com direito a uma caminhada do Tietê ao Anhembi, de onde embarquei rumo a Itu.

Sozinho, portando meu ingresso comum, minha garrafinha d’água que fora barrada, e após uma longa fila, cheguei no evento e muito feliz me dirigi de cara ao Palco Oi Novo Som, onde tive o prazer de ver a apresentação do Mombojó, Bnegão ao lado de vocês.
Mais tarde a noite caira, e tudo foi ficando muito mais cheio, a medida que Queens of the Stone Age se aproximava, além do frio de Itu que até então eu só conhecia pela TV.

Fim de show, volta para o RJ. Com direito a andar de urbano até Itu e depois de uma longa espera, embarque rumo a Barra Funda. No dia seguinte, às 5hrs e com um frio descomunal, cheguei a SP e me dirigi a Av. Paulista para aproveitar ao máximo minha estadia de 24hrs na capital.

Naquele dia, problemas do evento foram esquecidos como fila de banheiro, de lanche e no caos que fora o transporte de volta para SP.
Andando por lá até as 10h, voltei para o RJ no mesmo convencional pedrada que havia me levado e tudo que senti nessas 31 horas de SP e SWU, fora uma alegria que até então não havia sentido na minha vida.

E vocês tem parte nisso. Conheci boa parte das bandas do Oi Novo Som com vocês, pois não vejo TV e só ligo o rádio no programa de vocês às terças-feiras.
Muito obrigado Mauricio. Muito obrigado Nandão.
Fiz questão de escrever com o programa em ‘off’ pois gostaria que vocês lessem a minha história e que soubessem que aqui tem UM GRANDE fã de vocês.

Um abraço amigos!”
Renan, 19 anos – Rio de Janeiro

YEAH!

 

Subject: Um MUITO OBRIGADO!

Saudações a todos os ronqueiros do mundo!

Esse email é para agradecer, agradecer e muito.

Ontem pude curtir o maravilhoso SWU graças ao RoncaRonca. Eu, casadão e pai de dois garotitos, por vezes transfiro os ganhos do vil metal para coisas que obviamente proporcionam uma vida mais agradável a esses dois garotos (obviamene pelo salgado preço do festival també). Porém, faz uma falta danada as vezes dar uma escapadela para curtir um som, um bom som.

Tava um frio de lascar, mas aí nos shows, tudo ficou mais do que FANTÁSTICO. Não cheguei cedo pra ver Mombojó, mas vi uma galera alucinada no shows seguintes, em especial ao show do Incubus que era a minha banda favorita do dia.

A integração da galera tava fantástica, o povo em um vibe que não se vê em muitos lugares, um pensamento diferenciado de todos, ou seja, ouvir um bom som.

Obrigado por dar a minha vida um UP! Eu e a patroa agradecemos demais. Espero que a Oi e o Ronquinha continuem assim dando mais e mais felicidades como essa a outras pessoas.

Valeu mesmo e mais um abraço daqui da galera da terra da garoa, e agora terra do SWU.

Eurípedes

hooliganism…

 

MOMENTO ENCONTRO DE GERAÇÕES RONQUEIRAS.
 
“Pela terceira vez seguida, trabalho na venda antecipada de ingressos para o Festival do Rio, ali na Voluntários da Pátria em Botafogo. Uma forma prática de assistir filmes e ganhar um trocado. Funciona assim: ganhamos pouco $, mas ganhamos passe livre para as sessões, economizando bem à Brasileira. O legal mesmo é conhecer gente nova e trocar uma idéia. Esse ano tive e ilustre cia de Maíra, minha querida… (bom, ainda estão para inventar um termo para o que somos um do outro, pois não somos mais “namorados” mas somos quase tudo que se pode ser de alguma pessoa; companheiros de Ronca, até namorados e ex-namorados ao mesmo tempo, um troço complicado de explicar. Enfim, ela é uma pessoa muito importante na minha vida e que conheço graças a este programa) …que também estava precisando de um $ e de economizar, já que ela assistiria alguns (muitos) filmes e o ingresso está 14 facadas inteira e 7 facadas para estudante.  
Então, estávamos nós a conversar nossas besteiras e serices de sempre e fazendo novas amizades quando acontece o momento mais especial do Festival do Rio deste ano. Um encontro mais importante que o de Michael Madsen e Eduardo Dussek que acontecera na frente de nossas bochechas. Eis que chega uma figura com o manto do Ronquinha para comprar ingresso, e vai logo em nosso caixa (Maíra trabalhou no caixa ao lado do meu). Depois de pedir seus ingressos eu falo – Valeu Ronca Ronca! E Ele eufórico responde – Caramba! Que foda, vocês também escutam? Vão as festas? – E coisa e tal. Conversa vai, conversa vem, descobrimos que se tratava de Caio, um integrante da torcida Ronqueira mais novo que a gente, mas não menos Ronqueiro. Ficamos papeando os três ocupando dois caixas e enquanto a fila aumentava, trocamos algumas histórias. Tipo a que era ele o figura que, por ser menor de idade, levou os pais para uma edição da festa no Estrela da Lapa, e como eu conheci a Maíra numa edição da festa no Teatro Odisséia e mais tarde no mesmo Odisséia fizemos parte da foto da torcida uniformizada clicada pelo Maurício. 
Contamos pra ele que conhecemos o programa em meados de 2005 ainda na Radio Cidade e nosso relacionamento começou graças a duas coisas em comum: amigos da Michelle e ouvintes do Ronca  Ronca. Contamos também como toda semana ficávamos ouvindo o programa no rádio e comentando em tempo real no MSN. Ele disse que começou a ouvir o programa e freqüentar a festa quando esta foi para o Estrela da Lapa um pouco depois. Na verdade a festa só atravessou a rua. Caio se despediu e seguiu seu rumo. 
Depois desse encontro sensacional, ficamos eu e Maíra conversando sobre nossas lembranças, e vimos como o Ronca faz parte da gente. Mesmo tendo diminuindo nosso “vício” no programa, até por conta de trabalho e outras responsabilidades que nos impossibilitaram algumas vezes de acompanhar a programação… nunca iremos deixar de fazer parte dessa torcida. Chegamos a conclusão de que as gerações de nossa torcida mudam numa velocidade diferente da população. Ela se renova não só pelo tempo, mas também pelos lugares que sediam as festas. Existe a geração Odisséia, a geração Estrela da Lapa, a geração Cinemateque e agora, será a geração Rival? E o mais sensacional disso é que uma vez parte de uma geração dessas, você faz parte de todas a diante. 
E por falar em geração Odisséia, lembra da Michelle? Aquela que citei antes e também estava naquela foto memorável. Pois é, por caminhos da vida ela também acabou se distanciando um pouco do Ronquinha, mas fique sabendo que por motivos que só iram contribuir para o aumento populacional de nossa torcida no futuro. Ela encontrou seu boi bandido e já colocou mais uma Ronqueirinha no mundo, a Sophia. E tem mais, já tem outro no forno. Produção em massa de ronqueiros!
 
Só tenho a agradecer a você por este programa que tem um espaço especial na minha vida. Sempre com esse espírito saudosista e ao mesmo tempo sem essa de “chegou agora no Junboteko, quer sentar na janela?”… É chegou agora, senta onde quiser!!! 
Grande abraço e saudações,”
 Leonardo

ouviNtada!

não me canso de tirar onda por conta da lealdade de nossa torcida.

ha ha ha… essa é uma tremenda onda para se tirar… e tiro mesmo!

portanto,

segura O destaque publicado pelo eduardo em recente edição do jornal “o boêmio” de matão (SP)…

não satisfeito, ele mandou umas letrinhas muito certeiras…

por falar em nossos “hooligans”,

fica aqui meu MEGA agradecimento ao imperador carlos magno (paracambi / RJ) que enviou a saideira do roNca do dia 14… quando colocamos no ar o “momento batatada” rio fanzine/amizade, lembra?

ele fez a gentileza de enviar um cd com o áudio 100% “abbey road” com os 40 minutos que foram detonados pela creca no computador da Oi fm… portanto, o roNca está completinho em www.oifm.com.br!

muuuuita pressão!

D+!

e sigo tirando onda nessa “marola”… até ser engolido pelo tsunami ronquístico…

( :

golden_hill!

 

Subject: Manto Ronca Ronca vitorioso no Morumbi + Serra Dourada

“Fala Mauval,
Sei que ando meio em falta contigo. Estou trabalhando na campanha eleitoral e com o tempo muito corrido.
Apesar disso, não deixo de te ouvir e fiquei muito feliz com a notícia da volta da festa. Ainda mais em se tratando de um excelente espaço como o Rival.
Não tenha dúvida de que a tropa de cheque, digo, de choque, comigo na linha de frente, estará lá no dia 4/9 com toda cerveja!
Em tempo: aproveito esta quarta em que o seu Almirante estará em La Bambinera para mandar fotos do MANTO.
Estive lá no fim de semana da virada cultural, em maio, e trouxe mais uma vitória do ÚNICO CARIOCA CAMPEÃO EM 2010 para casa.
Semana passada o MANTO, esteve em Brasília & Goiânia, sempre fazendo sucesso absoluto dentro & fora de campo!
Descobri até que tem coisa muito boa em Brasília, e não só gatunos e trapaceiros como se poderia imaginar.
Se quiser publicar no cada vez melhor Tico-tico, fique à vontade.
Abraços e Saudações Alvinegras.” 
Leon 

por falar em ouro, olha esta pepita de 7″ que eu trouxe de sumpa…

+